Domingo, 16 de Junho de 2024 02:59
75 99168 1879
Artigo Literatura em alta

Poema: O sol brinca de esconder

Colunista: Escritor Manoel Calixto

03/02/2024 07h12
Por: Redação
Colunista: Escritor Manoel Calixto
Colunista: Escritor Manoel Calixto

Nas letras vermelhas
do muro caiado cal
o sol pulou o muro
bisbilhotou
uma rua repleta
 de casas
fez o cachorro latir
correndo atrás da própria sombra
acordando 
os retardatários da manhã.

O sol pode ter outros nomes
como a rua outros ventos 
mas a rua molhada 
não pode esconder:
O sol andou chorando
com saudades da lua.

O sol parece não chorar nunca 
apesar da chuva
apesar do anoitecer
o sol brinca de esconder
todos os dias
no final do espetáculo.

Manoel Calixto

Livros já publicados pelo autor:

1.       Scapucai da Silva na Cidade Fúnebre - 1981;

2.       Primaveras Alheias – 1983;

3.       Olhares & Janelas - 1986

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Coluna Livros&Versos
Sobre Coluna Livros&Versos
A Coluna Livros&Versos é um espaço de cultura e Literatura, onde o escritor Manoel Calixto escreve, semanalmente, sobre suas ideias e sentimentos, através dos versos.
Anúncio
São Paulo, SP
Atualizado às 00h10
18°
Tempo limpo

Mín. 17° Máx. 27°

18° Sensação
1.03 km/h Vento
71% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (17/06)

Mín. 17° Máx. 27°

Parcialmente nublado
Amanhã (18/06)

Mín. 17° Máx. 27°

Tempo limpo
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias